Palavra do pastor

pastor-jonasAs adversidades fazem parte da vida, e podem ser consideradas como oportunidades de conhecermos melhor a nós mesmos, o potencial que temos em Deus, as pessoas, o sistema do mundo com sua malignidade, e principalmente o Deus a quem servimos.

Ecl 7:14: No dia da prosperidade regozija-te, mas no dia da adversidade considera; porque Deus fez tanto este como aquele, para que o homem nada descubra do que há de vir depois dele.

Ecl 9:2: Tudo sucede igualmente a todos: o mesmo sucede ao justo e ao ímpio, ao bom e ao mau, ao puro e ao impuro; assim ao que sacrifica como ao que não sacrifica; assim ao bom como ao pecador; ao que jura como ao que teme o juramento.

Como adversidades podemos citar: problemas conjugais, enfermidades, conflitos, problemas financeiros, perda de emprego, acidente, pressões no trabalho, pressões no ministério ou vida pessoal, problemas com os filhos, problemas legais, perseguição, violência, descriminação, injustiças, perda de uma oportunidade, um erro pessoal ou profissional, uma má decisão, um perigo iminente ou teórico, etc.

Bases de ação ou decisão diante de um contexto de adversidade

Deus está no controle

Considera primeiro que Deus está no controle da situação e que o seu caráter é santo: adversidades muitas vezes vêm colocar em cheque a nossa visão de Deus (quem é Deus na minha vida?)

Rom 8:28: E sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.

Não te esqueças

Lembra-te de todo o bem que você tem recebido de Deus pela graça (favor imerecido): adversidades muitas vezes demonstram a nossa insuficiência e vulnerabilidade, quebrando o orgulho e expondo o quanto temos sido preservados e abençoados pelo Senhor

Sal 103:2: Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nenhum dos seus benefícios.

Deus quer te transformar

Saiba que antes de te abençoar Deus quer te transformar (santificação é um processo): quando o problema vem, devemos buscar entendimento sobre qual área Deus quer trabalhar, onde Deus quer transformar (qual é o ponto?)

1 Ped 2:20-21: Pois, que glória é essa, se, quando cometeis pecado e sois por isso esbofeteados, sofreis com paciência? Mas se, quando fazeis o bem e sois afligidos, o sofreis com paciência, isso é agradável a Deus. Porque para isso fostes chamados, porquanto também Cristo padeceu por vós, deixando-vos exemplo, para que sigais as suas pisadas.

Examine os princípios bíblicos

Examine na palavra os princípios que concernem a situação que você está passando: quais princípios bíblicos estão em jogo numa determinada situação? Fidelidade x traição, auto-domínio x espírito irado, pureza x malícia, generosidade x avareza, fé x dúvida, verdade x mentira, etc

Jos 1:8: Não se aparte da tua boca o livro desta lei, antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme tudo quanto nele está escrito; porque então farás prosperar o teu caminho, e serás bem sucedido.

Auto-avaliação

Examine a tua vida à luz daqueles princípios (auto-avaliação): onde eu preciso mudar? O que em mim ainda desagrada o meu Deus? Porque a mesma situação se repete na minha vida? O que Deus está querendo me dizer?

1 Cor 11:31-32: Mas, se nós nos julgássemos a nós mesmos, não seríamos julgados; quando, porém, somos julgados pelo Senhor, somos corrigidos, para não sermos condenados com o mundo.

Tenha uma visão mais ampla

Tenha uma visão mais ampla da situação (zoom out): no meio da tormenta a tua visão pode ficar condicionada a um estado emocional ou um sentimento (de perda, ou de decepção, ou de humilhação, etc); saia para fora da situação e tente ver com olhos de um observador isento, e sob a luz da palavra; veja de uma forma mais ampla; veja mais além no tempo, no espaço e no modo.

Efe 1:17-18: para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê o espírito de sabedoria e de revelação no pleno conhecimento dele; sendo iluminados os olhos do vosso coração, para que saibais qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da sua herança nos santos,

Tenha bom ânimo

Perder uma batalha não significa perder a guerra (ainda não acabou): seja positivo e não negativo, seja otimista e não pessimista, seja perseverante e não desanime, se os teus alvos são corretos, mude de estratégia mas não muda de alvo, use a derrota para se fortalecer e não para se enfraquecer, reconheça os teus erros e seja humilde para reavaliar, tenha a postura de um campeão.

Ecl 7:8: Melhor é o fim duma coisa do que o princípio; melhor é o paciente do que o arrogante.

Jos 1:9: Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não te atemorizes, nem te espantes; porque o Senhor teu Deus está contigo, por onde quer que andares.

Busque conselho cristão

Use a vida de um ou mais Conselheiros Cristãos: busque o conselho dos sábios; reconheça quem tem sabedoria entre vós, e busque aconselhar-se; pergunte, avalie a experiência dos demais, pondere suas palavras, ponha em cheque a informação à luz da verdade, retenha o que é bom.

Prov 11:14: Quando não há sábia direção, o povo cai; mas na multidão de conselheiros há segurança.

Prov 24:6: Porque com conselhos prudentes tu podes fazer a guerra; e há vitória na multidão dos conselheiros.

Busque a Deus

Busque a Deus em oração, com atitude de louvor e gratidão (seja um intercessor): após orar com intensidade, permaneça quieto na presença do Senhor, em adoração, aguardando o seu falar; comece a se acostumar a esperar ouvir a voz de Deus, edifique a sensibilidade do teu espírito e vigilância da tua alma para aprender a ouvir a voz do Senhor.

Fil 4:6-8: Não andeis ansiosos por coisa alguma; antes em tudo sejam os vossos pedidos conhecidos diante de Deus pela oração e súplica com ações de graças; e a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus. Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.

Prefetize

Libere a palavra profética para a tua vida e para esta situação: conhecendo a vontade de Deus para atua vida, comece a profetizar, a falar audivelmente a vitória sobre a tua situação, sobre tudo que ainda não está em linha com a vontade revelada de Deus; as tuas palavras tem poder.

Eze 37:4: Então me disse: Profetiza sobre estes ossos, e dize-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do Senhor.

Seja perseverante

Nunca desanime ou desista: seja perseverante e tenha bom ânimo

Heb 10:36: Porque necessitais de perseverança, para que, depois de haverdes feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa.

PR. Jonas Santos

© 2011 Rua Felipe dos Santos 700 Presidente venceslau Brasil 19400-000 Tel:018 - 327182 22

leve-me ao topo